15/11/2019

Ementa da semana {com #mealprep}

|fotografia Pretend|
Sexta feira à noite!!
Esta a minha noite preferida da semana. É normalmente à sexta à noite ou enquanto o jantar vai fazendo, que organizo a semana seguinte. Gosto de ter as compras feitas na sexta para não perder muito tempo em supermercados ao fim de semana. Tenho a sorte de ter quase sempre legumes dos meus pais por isso ir ao mercado nem sempre é necessário. Faço por, ao fim de semana, ter tempo para programas com os pequenos porque os dias de semana nem sempre permitem passeios, ir ao parque ou ver alguma exposição. 

15/10/2019

Bolo de cerveja

Não é preciso desculpa nenhuma para ligar o forno e fazer um bolo, não é verdade? Eu teria muitas se quisesse para justificar o bolo desta semana. No domingo esteve um dia cinzento, recebemos visitas, chegou pelo correio uma lancheira com um pack de cerveja (Super Bock Free) mas principalmente porque chegou a forma mais linda, tão linda que assim que a Maria a viu, pegou e pôs à cabeça, fazendo juz ao seu nome, forma Crown.
Não vou dizer que é um bolo saudável, para os lanches da semana porque tem açúcar e manteiga como um bolo a sério deve ter. Mas a verdade é que prefiro mil vezes comer e dar a comer um bolo destes, feito por mim, do que qualquer coisa de compra. Se quiserem, façam as adaptações para que fique mais saudável, não esquecendo que é preciso ter algum cuidado com as substituições pois cada farinha/ açúcar tem as suas características, levando a um resultado bem diferente.
Este bolo fica com uma textura fantástica, húmida e super saboroso. Não fica com sabor muito acentuado, pelo menos com esta cerveja que usei, que diz que é composta por mais de 95% de água. Numa próxima tenho curiosidade em usar a cerveja preta e juntar nozes picadas à massa. Fica já no ar, a desculpa para um dos próximos fins de semana!


Ingredientes:
(Receita do livro "Um bolo por semana" de Rita Nascimento) 

Ingredientes:
200 g de manteiga sem sal
300 g de açúcar (usei 250g e ficou bom)
4 ovos
raspa de 1 limão
300 g de farinha T55
2 c. chá de fermento
200 ml de cerveja

Ligue o forno a 180ºC.
Numa batedeira, bata a manteiga com o açúcar até obter uma mistura macia e cremosa. 
Junte as gemas e a raspa de limão e continue a bater até estar uma massa homogéna.
Numa taça, misture a farinha com o fermento. 
Junte 1/3 da farinha à massa, de seguida junte metade da cerveja, junte mais 1/3 da farinha, a restante cerveja e por fim a última parte da farinha.
Bata as claras em castelo e envolva delicadamente na massa.
Coloque a massa na forma previamente untada com manteiga e polvilhada com farinha (eu uso desmoldante).
Leve o bolo a cozer durante 45-50 minutos.  
Faça o teste do palito antes para se certificar que este sai seco.





24/09/2019

Biscoitos de coco e chocolate

Sábado amanheceu cinzento. Nada que não se esperasse porque as previsões eram mesmo essas... Como tal, preparei tudo para passar a manhã na cozinha, a orientar as refeições da semana. Mas é impossível estar na cozinha num dia de chuva sem ligar o forno. 

17/09/2019

Bolo de pera

Não há melhor maneira de comemorar um regresso do que com um bolinho, não é verdade? E então se o bolinho for feito com ovos do quintal e peras da quinta, melhor ainda! 
Não sei como mas passaram dois meses desde que escrevi o último post aqui no blogue. Quem me segue no Instagram, sabe que continuo a cozinhar para a família, a fazer showcookings e pequenos serviços de catering aqui por Coimbra. Mas conciliar tudo isto com a profissão, a casa e a família às vezes torna-se impossível. As férias dos miúdos e a falta de rotinas arrastam-me para uma descontração que não me permite ter a disciplina necessária para, quem como eu, tem a mania que é polvo e abraça demasiados projetos.

18/07/2019

Huevos Rotos [para um almoço inesperado]

O recomeçar depois de quinze dias ao sol. As lembranças de dias felizes com tão pouco acompanham-me por estes dias. O sul tem um efeito regenerador, a areia, o mar, o azul do céu, o tempo que parece passar a uma velocidade diferente e que nos permite abrandar da correria dos dias. O perder a noção dos dias da semana é a prova que desliguei completamente e saí do registo apressado em que me encontro habitualmente. O ter tempo para contemplar as coisas simples. Ir ao mercado de rua à quarta e ao sábado. Aquelas coisas que sei de cor mas que me maravilham como que descobertas pela primeira vez. As cores. As pitangas. As melancias. As laranjas. O cheiro dos orégãos que trago sempre comigo. Que esta paz me acompanhe por mais uns dias!
Mas o recomeço tem o reverso da medalha, assim como um lado negro que em nada me agrada. O arrumar e pôr a casa em ordem. Se por um lado adoro regressar, há estes primeiros dias de confusão, de malas e sacos por todo o lado, que me fazem sentir perdida. Há urgência em voltar ao normal, em colocar tudo nas gavetas e armários. E é preciso lutar contra o ânimo oposto ao de quando se fazem as malas para partir... Tem que ser... Nada melhor que fazê-lo sozinha em casa, por isso há que arranjar o programa perfeito para tirar a família de casa. A escolha é sempre ir até ao parque ou jardim. Junta-se a tribo para alegria de todos e dou graças por ter um carro com lugar para sete. Tudo para a floresta, como diz a Maria referindo-se ao Choupal. Sítio perfeito para libertar energia e me libertar para arrumar sem ninguém a desarrumar em simultâneo!
Uma manhã dá para deixar quase tudo em ordem mas voa e num ápice é hora de almoço. Os miúdos, que não se cansam da brincadeira, deliram quando propomos um almoço partilhado. Afinal, podem aproveitar mais um par de horas para matar saudades dos amigos.
Dando a volta ao frigorífico, arranjo frango assado do dia anterior para aquecer, peitos de frango temperados para panar e pouco mais porque ainda se nota o desfalque de quem acabou de regressar de férias. A lembrança desses dias bons vem-me à memória e de imediato a imagem dos Huevos rotos que comemos ao almoço num desses dias em que fomos até espanha. Estava decidido. Foi um almoço fenomenal e a prova de que com pouco se faz muito! Nem é preciso dizer que os miúdos adoraram e que no coração fica mais um almoço bem disposto e descomplicado com muito boa companhia. Como os miúdos dizem, não há vez nenhuma que façam um programa com os vizinhos que não acabe em reunião à mesa ♥

Ingredientes:
6 batatas novas
1 embalagem de salsicha para churrasco picante Primor
4 ou 5 ovos

cebolinho
óleo para fritar
flor de sal e pimentão doce q.b.
Lave bem as batatas e corte-as aos palitos, sem descascar.
Lave bem, seque com um pano e frite em óleo quente. Coloque-as por cima de papel absorvente, depois de escorrer bem o óleo. Tempere com flor de sal e pimentão doce. Reserve.
Corte as salsichas na diagonal e grelhe na chapa ou num grelhador. 
Estrele os ovos numa frigideira anti-aderente, com o cuidado de não rebentar a gema. 
Coloque tudo na frigideira de servir e envolva.
Polvilhe com cebolinho picado e acompanhe com salada.


Esta receita foi desenvolvida em parceria com a Primor.
Poderei ter recebido honorários e/ou produtos mas o conteúdo foi escrito por mim e contém apenas a minha opinião.

15/07/2019

O melhor bolo de cenoura com chocolate do mundo [em vídeo]



Eu sei que o título é demasiado pretensioso mas para mim é mesmo a melhor receita do mundo e olhem que já experimentei algumas!
Como tudo o que tem boas memórias associadas, esta receita está-me no coração assim ao nível da bola de bacalhau que a Avó fazia. 
É o segundo episódio do Quinta á Quinta, que apesar do nome não é um programa semanal [lá chegaremos!] 
Vejam, partilhem e deixem o vosso comentário!

Um beijinho!

18/06/2019

Pancake Bar

Perco a conta às vezes que me perguntam como consigo ter tantas ideias engraçadas para as festas. É muito simples, observando e registando!
Sou muito faladora mas acima de tudo sou muito observadora. Sempre que vou a um sítio novo e vejo algo que gosto, registo. Posso até fazê-lo mentalmente mas assim que tenho oportunidade, faço uma pesquisa no Pinterest ou Instagram e guardo as imagens que mais gosto. Vou anotando no caderninho das festas e no momento de começar a planear, estão lá algumas daquelas ideias que gostei mas que de outra forma nunca sairiam do mundo virtual e do meu famoso álbum To do List.
Posts relacionados Plugin for WordPress, Blogger...
blog design by WE BLOG YOU